Anticoncepcional  Depo-Provera – Preço, Como Tomar e Colaterais – Bula

anticoncepcional-Depo-Provera

O anticoncepcional  Depo-provera é o método contraceptivo injetável que possui o mesmo mecanismo de ação das pílulas, porém é administrado no organismo uma vez por mês ou a cada três meses, dependendo da dosagem.

Nesse artigo, vamos relatar como funciona o Depo-Provera no organismo e saber mais sobre sua composição, modo de usar, efeitos colaterais, contra – indicações, benefícios, entre outros.

 

Para que serve o anticoncepcional Depo-Provera?

A injeção anticoncepcional Depo-Provera é um método para evitar a gravidez, cessar a menstruação   e também fazer reposição hormonal em alguns casos, pois a  sua formulação simula o efeito da progesterona no corpo da mulher.

Também tem se mostrado muito eficiente no tratamento de endometriose quando utilizado na concentração de 50mg a longo prazo, no período aproximado de 2 anos. Porém, é só uma alternativa caso outros métodos utilizados não tenham surtido efeito.

 

Composição

A fórmula da injeção Depo-Provera leva a combinação de acetato de medroxiprogesterona. A concentração de 50mg é para 1 mês, já a de 150mg para três meses.

Durante a utilização do anticoncepcional Depo – Provera a menstruação da mulher é suspensa, podendo haver alguns sangramentos durante o mês. Estudos mostram que o uso prolongado desse método contraceptivo pode acarretar a demora no restabelecimento menstrual e da fertilidade mesmo após cessar o uso.

 

Aplicação da injeção

O anticoncepcional Depo – Provera deve ser aplicado na  região intramuscular, geralmente o local mais indicado é o glúteo, mais precisamente nas nádegas, pois é uma região mais profunda.

A primeira aplicação da injeção anticoncepcional Depo-Provera deve ser feita no primeiro dia do ciclo menstrual , podendo se estender até o 7º dia no máximo para ficar protegida.

A segunda injeção deve acontecer 30 dias depois, com pequena tolerância de 3 dias para manter sua eficácia. Quando tomada corretamente, esse método tem ação contraceptiva imediata com poucas chances de engravidar.

 

Aplicação da injeção anticoncepcional trimestral 150mg

É o mesmo procedimento acima, porém, ao invés da segunda dose ser aplicada após 30 dias da primeira, deve ser ministrada após 90 dias.

A injeção anticoncepcional Depo – Provera semestral protege contra gravidez por 30 dias, pode ocorrer de 1 ou 2 dias a mais, enquanto que a injeção trimestral tem sua proteção estendia para 90 dias e mais alguns dias. No entanto,  a eficácia vai depender de muitos fatores como tempo de uso, rigorosidade na reaplicação das doses nas datas certas, enfim, é muito importante manter uma agenda que lembre  o dia certo da reaplicação para evitar que o efeito contraceptivo seja perdido.

 

Efeitos colaterais

Como todo método contraceptivo, a injeção anticoncepcional Depo-Provera tem seus efeitos colaterais, que podem variar de acordo com cada mulher, confira:

  • Sangramentos ( escapes) durante o mês
  • Retenção de líquido
  • Ganho de Peso
  • Enxaqueca
  • Fraqueza
  • Diminuição da libido
  • Sensibilidade nas mamas
  • Câimbras e dores nas pernas
  • Queda de cabelo
  • Corrimentos vaginais
  • Ondas de calor
  • Depressão
  • Distensão abdominal
  • Sonolência
  • Variações de humor
  • Problemas vasculares ( trombose, embolia pulmonar)

 

Contraindicações do anticoncepcional

Depo-Provera

A injeção Depo-Provera é contra indicado para mulheres grávidas ou que estejam amamentando, pois os componentes da fórmula da injeção podem passar para o leite materno.

Mulheres com câncer de mama, doença hepática ou distúrbio tromboembólico também deve evitar esse método contraceptivo.

Outro detalhe importante é a avaliação da densidade mineral óssea em  caso da mulher necessitar utilizar o acetato de medroxiprogesterona injetável por longos períodos. Esse método contraceptivo reduz os níveis de estrogênio e pode estar associado a perda de densidade mineral óssea, fator preocupante durante a fase de adolescência e adulta da mulher.

O Depo-Provera possui algumas interações medicamentosas que fazem perder o seu efeito, é o caso de barbitúricos, rifampicina, fenitoína ,bosentana, carbamazepina, felbamato, griseofulvina, oxcarbazepina, Erva de São João e topiramato.

 

Benefícios

A injeção anticoncepcional Depo-Provera tem a vantagem de ser utilizado uma vez ao mês ou a cada três meses, isso facilita a administração correta do método contraceptivo e evita esquecimentos como no caso das pílulas orais.

Outros benefícios da injeção anticoncepcional Depo-Provera são:

  • Tratamento da endometriose
  • Combate os efeitos da TPM
  • Diminuição de cistos ovarianos funcionais
  • Controle de problemas hormonais
  • Diminuição de oleosidade na pele e nos cabelos

 

Anticoncepcional Depo-Provera engorda ou emagrece?

A injeção anticoncepcional Depo – Provera possui as vantagens da praticidade e da liberdade de não ficar presa a uma responsabilidade diária de tomar medicamentos. No entanto, uma das suas maiores desvantagens é a promoção do ganho de peso.

Uma pesquisa realizada pelos profissionais da área da saúde aponta que mulheres que optam pela injeção anticoncepcional Depo – Provera tem mais chances de engordar quando comparados a outros métodos contraceptivos, associou-se ao fato que a carga de hormônio injetada de uma vez no organismo acarreta a retenção de líquidos e um apetite maior que o normal.

Infelizmente, o ganho de peso Depo-Provera já foi comprovado cientificamente.

 

Esse Anticoncepcional é bom para acne?

Relatos de algumas mulheres apontam que a injeção anticoncepcional  causa acne. Enquanto que há outros depoimentos que o método contraceptivo pode melhorar a acne e as espinhas devido ao bloqueio do funcionamento do ovário.

Na realidade, esse método contraceptivo não deve ser utilizado como tratamento para acne, pois sua funcionalidade é outra. Nesse caso, é melhor procurar orientação médica para indicar um medicamento antiandrogênico para atender esse objetivo.

Embora, a escolha do método contraceptivo seja uma escolha individual de cada mulher, é adequado buscar a orientação de um profissional para fazer uma avaliação das condições de  saúde, esse pode ser um fator decisivo para optar pelo medicamento mais benéfico e com menos efeitos colaterais para o organismo.

Preço Médio

O preço médio do DEPO-PROVERA 150MG Pfizer 1 Seringa Preenchida com 1 ml + 1 Agulha Descartável gira em torno de 30 à 40 reais.

Bula

O fabricante do Depo-Provera é a Pfizer. Para acessar a bula do medicamento, clique aqui.

Outros Assuntos:

[pt_view id="3d29484fdi"]

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*


vinte + 8 =